voltar

Os lugares que nos habitam

23/9/2020

“A quarentena mudou muito a dinâmica da disciplina “Alfabetização Cultural”, pela qual sou responsável no Curso Normal Superior do Pró-Saber. Ao invés de visitar museus, teatros e outros equipamentos culturais do Rio, começamos a trabalhar a ideia de que “Os lugares estão dentro de nós”, que acabou virando o nome do projeto da turma 2019.  No semestre anterior trabalhamos o conceito de patrimônio cultural material e imaterial, mapeando alguns ícones da paisagem carioca como lugares a serem desbravados.  E agora fomos buscar na imagem do Cristo Redentor nossa inspiração.

Primeiro assistimos ao documentário “De Braços Abertos”, de Izabel Noronha, sobre o monumento que é uma das Sete Maravilhas do Mundo Moderno, e foi projetado pelo engenheiro Heitor da Silva Costa, bisavô de Izabel. Depois recorremos à canção “Corcovado”, de Tom Jobim, para convidar cada um a olhar com cuidado e comentar a paisagem que se descortina da janela. 

A turma lançou um olhar delicado e poético a suas janelas, suas casas, suas paisagens, e compartilhou belezas às vezes inesperadas. O próximo passo é produzir um documentário sobre esses lugares e os moradores que trabalham por um mundo melhor. Está sendo uma linda experiência.”

Melissa Lamego


Janelas abertas

"Faço da minha janela

a mais pura e bela liberdade."

Geisa do Carmo Ferreira Ribeiro


"Existem manhãs em que eu abro a janela

e tenho a impressão de que o dia 

está me esperando de braços abertos."

Cleidiana Torquato de Sousa


"Quem tem a mente livre não prende suas ideias e sonhos em paredes."

Manoela de Almeida Santana


Comentários